ALMG debate criação de programa de fomento à dança

Na próxima quarta-feira (16), acontece audiência pública na Assembleia de Minas para debater a criação do Programa Estadual de Fomento à Dança para o Estado de Minas Gerais. Fruto da iniciativa do deputado Roberto Andrade, o PL 1478/2015 prevê que o programa será vinculado à Secretaria de Estado de Cultura e apoiará, em âmbito estadual, projetos de trabalho continuado em dança para artistas independentes e grupos profissionais. Os recursos serão provenientes de fundos estaduais, convênios, contratos e acordos com instituições públicas e privadas, nacionais ou estrangeiras.

A elaboração do projeto de lei contou com a participação direta de representantes de grupos de dança mineiros que estiveram na Assembleia de Minas, no dia 14 de abril, para pedir apoio a Roberto Andrade. A iniciativa garante que os projetos voltados para a dança tenham recursos fixos e próprios para promover suas atividades. Ademais, o programa vai se somar a outras iniciativas já existentes, ampliando as alternativas de financiamento à cultura no Estado.

Segundo o deputado Roberto Andrade, embora Belo Horizonte tenha a fama de trazer grandes espetáculos, a dança não tem recebido a devida atenção dos poderes públicos estaduais. “O que se vê, na prática, são os poucos incentivos dados ao setor, principalmente no interior do Estado, onde o apoio público praticamente não chega”, justifica.

De acordo com a Associação Cultural Dança Minas e o Fórum Permanente de Dança, instituições representativas de classe, o PL 1478/2015, se aprovado, vai fortalecer e difundir a produção artística de dança independente, garantir melhor acesso da população à dança e fortalecer ações que tenham o compromisso de promover a diversidade dos bens culturais.

Os grupos também expressam preocupação com a situação da dança em Minas. “É preocupante e, entre as demandas urgentes, definidas em consenso e que objetivam ações específicas, está a necessidade da criação de uma lei de fomento, o que representará um avanço sem precedentes na cadeia produtiva da área e impulsionará o mercado de trabalho em todo o Estado”, explicam.

Aberto ao público, o evento acontece no dia 16 deste mês, às 16 horas, no Teatro da ALMG. É esperada a participação maciça de profissionais ligados ao setor, como diretores, produtores culturais, dançarinos, artistas e professores. Antes de começar a audiência, haverá apresentação dos grupos presentes. Mais informações podem ser obtidas no gabinete do deputado Roberto Andrade pelo telefone (31) 2108-5065 ou pelo e-mail dep.roberto.andrade@almg.gov.br.

http://www.robertoandrade.net.br/almg-debate-criacao-de-programa-de-fomento-a-danca/

11995568_10200808638574076_786741175_n