*Acuenda no Pajubá tem o mesmo significado que veja, olhe, observe, preste atenção. Com origem no iorubá, a linguagem foi adotada por travestis e ganhou a comunidade LGBTQIA+.

CONVOCATÓRIA

28 de junho é a data em que se celebra o dia Internacional do Orgulho LGBT. Neste dia foi realizada a primeira Parada Gay, nos Estados Unidos, e inspirou diversas mobilizações no mundo todo contra o preconceito e a homofobia. Novas letras, como Q e I, surgiram, e nós, do Hibridus, decidimos usar LGBTQIA+ para representar todes. A ONU, por exemplo, usa a sigla LGBTI.

Inscrição Encerrada

A inscrição deverá ser feita de 28 de maio até as 23h59 do dia 13 de junho de 2021 com o preenchimento do formulário online e anexado todos os documentos solicitados. 

Resultado aqui e em nossas redes sociais dia 18/06/2021

O projeto Acuenda é a realização da primeira edição de uma mostra direcionada para manifestações artísticas culturais com uma linha curatorial pautada pela diversidade de gênero. Realizado pelo Hibridus Dança e com o apoio da Secult e Governo de Minas Gerais, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e do Governo Federal. O Hibridus propõe a ocupação, de suas plataformas digitais, resultante de um processo curatorial e executado de forma virtual no canal no youtube e redes sociais, que sejam acessíveis a diferentes públicos, com espetáculos, oficina, exposição, mostra de cine LGBTQIA+, “Bixaria Literária” – Sarau-resistência, e simpósio com palestras, debates e reflexões a respeito do cenário artístico e cultural LGBTQIA+ em Ipatinga, região do Vale do Aço, em Minas Gerais e no Brasil, para promover o encontro de artistas, ativistas, pesquisadores e agentes da cena cultural LGBTQIA+ no interior mineiro. 

Assim, o Hibridus pretende contribuir para que novas oportunidades de monetização aconteçam neste momento de dificuldades impostas pela crise sanitária mundial. Possibilitar o acesso à comunidade LGBTQIA+ o protagonismo na cena artística cultural no interior mineiro, estimulando a visibilidade, segurança e o respeito.  Possibilitar o acesso à comunidade à fruição de uma programação artístico cultural LGBTQIA+ de qualidade, gratuita, no interior mineiro, com potencial transformador da sociedade. Desmistificar a cultura LGBTQIA+ em um momento em que o país vive censura às artes e a cultura, em especial à LGBTQIA+, promovendo a diversidade.

Caso seja selecionade

  • Foto em alta resolução (para ser utilizada na divulgação);
  • Seu endereço nas redes sociais (Instagram e Facebook); 
  • Termo assinado com o de acordo com as condições tecnológicas mínimas necessárias para o desenvolvimento do conteúdo/vídeo (O arquivo digital disponibilizado pode ser feito com equipamento de gravação amador (celulares e filmadoras), desde que apresentem qualidade mínima para visualização e audição da ação artístico-cultural, e deve conter as seguintes especificações técnicas: – Formatos: MPEG-4, AVI, WMV, MP4 – Tamanhos: 1280 x 720 (720p), 1920 x 1080 (1080p) – Formato de gravação Widescreen (16:9) – Horizontal). No Termo constará Autorização de uso de imagem em todo e qualquer veículo de comunicação destinada à divulgação ao público em geral. O vídeo permanecerá postado por tempo indeterminado.

Contrapartida 

Quem se inscrever se compromete a:

  • Replicar os conteúdos do Acuenda em suas mídias sociais;
  • Participar ativamente dos encontros de articulação da Rede Acuenda assistindo e compartilhando os vídeos seus e des selecionades na programação;
  • Gravar pílulas em vídeo, convidando o seu público para assistir o lançamento do seu vídeo;
  • Divulgar os eventos da iniciativa.

Observações

1- Não será realizado pagamento por emissão de RPA, somente Nota Fiscal.

2- Serão desclassificadas todas as propostas que contenham itens resultantes de discriminação ou preconceito de raça, etnia, religião ou gênero.

3- A decisão da Comissão Avaliadora será soberana, não havendo possibilidade de recurso.

Premiação

Cada selecionade receberá um prêmio no valor de R$ 1.000,00 (Mil Reais), que será entregue mediante emissão de nota fiscal, disponibilização da proposta, com as especificações definidas nesta convocatória para o canal do YouTube do Hibridus Dança e termo de compromisso assinado.

Serão selecionadas 09 propostas.

Es candidates selecionades serão anunciades no dia 18 de junho, por meio do site www.hibridus.com.br, e redes sociais.

Vale lembrar que não é objetivo desta ação provocar as pessoas a se reunirem. A finalidade desta convocatória é gerar recursos e contribuir para o trabalho dos artistas em meio à pandemia, em especial, diante da necessidade de suspensão social. Sabemos que o cancelamento de atividades presenciais afeta o setor cultural, por isso queremos contribuir fomentando a produção e a difusão artística por outros meios e formatos que se adaptem às atuais condições. 

Quer entender os termos que todas essas letras abrigam? Não deixe de ler este texto até o fim. No entanto, antes de embarcar nas cores do arco-íris, é preciso entender os conceitos: identidade de gênero, sexualidade, orientação sexual e expressão de gênero. 

  • IDENTIDADE DE GÊNERO: é a forma que a pessoa se entende como um indivíduo social.
  • EXPRESSÃO DE GÊNERO: é como o indivíduo manifesta sua identidade em público, a forma como se veste, sua aparência (corte de cabelo, por exemplo) e comportamento, independentemente do sexo biológico.
  • SEXUALIDADE: está relacionada à genética binária em que o indivíduo nasceu: masculino, feminino e intersexual.
  • ORIENTAÇÃO SEXUAL: tem a ver com o desejo de se relacionar afetiva e/ou sexualmente com outros gêneros. Em um ciclo natural, essa descoberta acontece entre a infância e o início da adolescência, mas, por preconceito e discriminação, ela pode ser bloqueada e até mesmo negada.

Esclarecidos esses pontos, conheça algumas das definições contidas na sigla LGBTQIA+ a seguir. Mas saiba que, independentemente de todos os nomes que você conhecerá mais a fundo, o importante é respeitar a nomenclatura com a qual o indivíduo se identifica e como ele se autodenomina. 

  • AGÊNERO: aquele que tem identidade de gênero neutra.
  • ANDRÓGENO: é a pessoa cuja expressão de gênero transita entre os dois polos, homem e mulher. Em geral, o andrógeno usa roupas, corte de cabelo e acessórios, por exemplo, considerados unissex.
  • ASSEXUAL: aquele que não possui desejos sexuais.
  • BISSEXUAL: pessoa que sente atração por homens e mulheres. 
  • CROSSDRESSER: oriundo do fetiche do homem de se vestir como mulher, o crossdresser usa roupas do gênero oposto ocasionalmente, mas não faz modificações permanentes. 
  • DRAG QUEEN/KING: refere-se ao indivíduo que se monta de acordo com o gênero oposto para performances artísticas. 
  • GAY: homem que sente atração sexual/afetiva por outros homens.
  • GÊNERO FLUIDO: pessoa que é ou se entende como mulher em algum momento da vida, homem em outro, e transita por outras identidades de gênero.  
  • INTERSEXUAL: o termo substitui a palavra “hermafrodita” e define a pessoa que tem características sexuais femininas e masculinas – genitália e aparelho reprodutor. 
  • LÉSBICA: mulher que sente atração sexual/afetiva por outras mulheres.  
  • NÃO BINÁRIO: o não binário sente que seu gênero está além ou entre homem e mulher e pode defini-lo com outro nome e de maneira totalmente diferente.
  • PANSEXUAL: atração sexual ou romântica por qualquer sexo ou identidade de gênero. 
  • QUEER: ao pé da letra, a palavra significa estranho e sempre foi usada como ofensa a pessoas LGBT+. No entanto, a comunidade LGBT+ se apropriou do termo e hoje é uma forma de designar todos que não se encaixam na heterocisnormatividade, que é a imposição compulsória da heterossexualidade e da cisgeneridade. 
  • TRAVESTI: pessoas que nasceram no gênero masculino, mas se entendem pertencentes ao gênero feminino, porém não reivindicam a identidade “Mulher”.
  • TRANSEXUAL/TRANSGÊNERO: é o indivíduo que se opõe, que TRANSgride e TRANScende a ideologia heterocisnormativa imposta socialmente. Pessoas que assumem uma identidade oposta ao gênero que nasceu, que sentem-se pertencentes ao gênero oposto do nascimento. Uma identidade ligada ao psicológico e não do físico, pois nestes casos pode haver ou não uma mudança fisiológica para adequação.

CISGÊNERO: é quando a identidade de gênero do indivíduo está de acordo com a identidade de gênero socialmente atribuída ao seu sexo.